Tecnologia 5G no Fim dos Tempos



Em meio a uma pandemia ainda sem data para terminar, pessoas que acreditam em uma teoria supostamente “sem base científica” espalhada na internet estão aterrorizando operadoras do Reino Unido. Segundo o site The Verge, as quatro principais empresas do setor na região pediram aos consumidores que “parem de queimar as torres de 5G”.

O motivo para os ataques? Teorias da conspiração, que começaram a circular há algumas semanas nas redes sociais e conectam — “sem qualquer evidência por trás”, segundo as operadoras — a chegada da conectividade móvel de nova geração e a disseminação do novo coronavírus ao redor do mundo. E o resultado foi o pior possível, com grupos ameaçando funcionários das empresas de telecomunicação e atacando as torres que transmitem o sinal.

A operadora Vodafone confirmou que quatro de suas antenas foram alvos de incêndios em um período de 24 horas, enquanto a EE, que ainda nem fornece o serviço de 5G, também teve equipamentos danificados. Todas as companhias lançaram comunicados em seus perfis oficiais pedindo calma à população e negando qualquer conexão entre a covid-19 e os serviços de dados móveis.

Mats Granryd, diretor geral da GSMA, organização que representa o interesse de empresas da indústria de telefonia em todo o mundo, disse: “A indústria de telecomunicações está trabalhando dia e noite para manter serviços vitais de saúde, educação e emergência on-line, além de negócios funcionando e amigos e famílias conectados. É deplorável que a infra-estrutura crítica de comunicações esteja sendo atacada com base em tamanhas mentiras. Pedimos a todos que confiem nas autoridades de saúde e tenham certeza de que a tecnologia de comunicação é segura. Não há ligação entre 5G e Covid-19”.

Mais sobre o efeito do 5G:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Related Post